skip to Main Content
Confiança

Confiança

Na preparação que fazemos para voltar às aulas em quadra surgem questões, naturalmente: como manter a distância entre as crianças, como dinamizar a aula em tempo reduzido… e como, também, poder brincar – não só treinar – respeitando o protocolo sanitário.

Assim como o campo de futebol não cabe na sala de casa, a sala de casa não faz sentido no campo, na quadra. Existem jogos e brincadeiras – com gol, por favor! – que são possíveis com pequenas adaptações e espaços demarcados.

As atividades técnicas individuais continuarão a fazer parte, como sempre fizeram. Mas o prazer de se movimentar mais amplamente é algo que estamos buscando na elaboração das atividades. É muito instigante, também, perceber a busca dos professores neste sentido.

O que tem ficado claro é que estamos todos, agora, imaginando este momento, o momento da volta. Família, profissionais, alunos e alunas. Particularmente, me sinto às vésperas de um jogo decisivo – chega a dar frio na barriga.

Interessante notar, ao longo das conversas da semana, o pilar de sustentação desse retorno: a confiança em si e em cada um.

A confiança de que os protocolos serão cumpridos, que as pessoas irão avisar se alguém da casa adoecer, que todos estão dando o seu melhor.

É, sim, como num jogo: vamos jogar todos juntos – ainda que à distância.

Aquele abraço, saudações esportivas

This Post Has 0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top