skip to Main Content

Crianças & Jovens na web

Caríssimos (as),
Segue abaixo material que havia guardado, por considerá-lo pertinente. Boa leitura!
“Foi-se o tempo em que crianças e adolescentes entravam na internet apenas para pesquisas escolares. Hoje, os internautas com idade de seis a catorze anos, e que já somam quase cinco milhões no Brasil, estão mais interessados em entretenimento e em reforçar a sua rede de contatos na web. Pesquisa feita pela consultoria britânica comScore revela que esses usuários passam 60% do tempo online assistindo a vídeos no You Tube, conversando no MSN e trocando contatos em sites como Orkut e Facebook. (…). A propensão ao consumo não fica muito atrás: um em cada quatro acessam sites de lojas de varejo.
Esses quase cinco milhões de crianças e adolescentes já ultrapassaram em quantidade outros grupos, como o de 45 a 54 anos, que somam 3,7 milhões. (…) Estudo feito pela Viacom, empresa de entretenimento (…), aponta o poder de comunicação entre crianças e adolescentes. Crianças e jovens de oito a catorze anos contam em média com 128 contatos no MSN (…), enquanto um adulto tem 145 pessoas em sua lista.
Beatriz Mello, diretora da Viacom, lembra que para 60% desses jovens o conceito de amizade é ser acessível 24 horas por dia: “Não há mais aquela ideia de que é necessário ter um contato pessoal, sempre ao lado” (…). Nesse caso, a psicóloga Gabriela Nobre Viana alerta que – apesar de os jogos da internet estimularem o raciocínio, e as redes sociais, a comunicação – o problema é quando a internet vira a única forma de interagir. “Os pais precisam ficar atentos para a falta de interesse das crianças em âmbitos sociais. O tempo máximo recomendado, para entretenimento, é de uma a duas horas“.
 
[Adaptado da reportagem de Bruno Rosa, Economia – Jornal O Globo – 11/07/2010]
 
>> Dicawww.portaldafamilia.org.br/artigos/artigo054.shtml dá dicas sobre como lidar com algumas dificuldades no acesso infanto-juvenil à internet.
Aquele abraço, saudações esportivas
This Post Has 2 Comments
  1. Olá Parceiros (principalmente mamães e papais de plantão)

    Não costumo fazer propaganda gratuita, mas acho que vale a pena.
    Há anos acompanho o blog de um grande amigo, dos tempos de faculdade, chamado Rodrigo Tupinambá (Tupi). O blog, chamado Chutebol, nasceu do trabalho que ele desenvolve no Clube Militar da Lagoa, no caso a escolinha de futsal do clube.
    O blog, diversas vezes premiado, consegue de uma maneira leve, lúdica e sucinta abordar temas complexos como infância, educação e esporte. Ainda sobra espaço para literatura e curiosidades do mundo boleiro.

    Poucas vezes vi, de fato, um professor de educação física educar através do movimento como meu amigo Tupi faz.

    Abaixo o link de um dos posts que mais gostei, mas vale fuçar tudo que tem lá dentro!

    http://chutebol.blogspot.com/2010/08/especialistas-que-se-debrucam-sobre-o.html

    Beijos e abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top